Somos o 9.º A da Escola EBI c/JI Cidade de Castelo Branco. Neste blog, publicaremos os nossos trabalhos realizados no âmbito da disciplina de Área de Projecto.

18
Mai 10

Em 25 de Janeiro de 1963, o meu avô António, com 22 anos, foi chamado para ir para a guerra, em Moçambique. Pertencia à Companhia de Caçadores n.º 607, foi para Moeda e permaneceu lá durante 19 meses.

O meu avô diz que a guerra dele não foi das mais difíceis, nos primeiros 6 meses, mas a partir daí começou mesmo em força.
Não havia boas condições onde ele estava.
O meu avô assistia muitas das vezes à morte de alguns dos seus amigos que conhecera ao longo do tempo que lá esteve.

Foi ferido na guerra, ficou sem um dedo do pé, esteve muito mal, pois as condições de saúde não eram as melhores. No hospital, em Moeda, queriam amputar-lhe a perna, mas depois foi transferido para o hospital de Nampula e aí conseguiram salvar-lha.

Depois de ter alta, regressou novamente para a guerra, para Pontamaone, para junto dos seus companheiros, durante mais 9 meses.

O meu avô era conhecido pelo Castelo Branco.

Regressou a Portugal 2 anos depois, em Junho de 1966.   
Um dos maiores problemas que ele teve era a alimentação, porque era muito “pobre”, mas muitas das vezes ia à cidade, onde se comia melhor.

Actualmente, fazem um convívio anual, em que se juntam todos, para conviverem e recordar os velhos tempos.

 

 

 

Tânia Taborda

publicado por conta-mehistorias às 14:19

Maio 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
11
12
13
14
15

19
22

25
26
28



arquivos
pesquisar neste blog
 
blogs SAPO