Somos o 9.º A da Escola EBI c/JI Cidade de Castelo Branco. Neste blog, publicaremos os nossos trabalhos realizados no âmbito da disciplina de Área de Projecto.

08
Fev 10

 

Vida e Obra de Manuel Cargaleiro
Manuel Cargaleiro nasceu, em 1927, na aldeia de Chão das Servas, Vila Velha de Ródão, e é considerado um dos maiores artistas plásticos portugueses.
No ano de 1949, com 22 anos, participou no primeiro Salão de Cerâmica.
Em 1952, realizou a primeira exposição individual de cerâmica e, a partir de então, sucederam-se as exposições, em Portugal e em muitos países da Europa.
Manuel Cargaleiro foi professor de cerâmica na Escola António Arroio
Recebeu vários prémios e o reconhecimento internacional.
A sua obra é muito grande, vai desde a cerâmica à pintura, gravuras, guaches, tapeçarias e desenhos. Executou vários painéis cerâmicos para diversas instituições públicas, como a Estação do Metro “Colégio Militar-Luz”, de Lisboa (1987); a Estação de Metro “Champs-Elysées- Clémenceau”, em Paris (1995); a estação de serviço de Óbidos na A8, para a “Auto-Estradas do Atlântico” e não podia deixar de mencionar a fonte do Jardim Público, em Castelo Branco.
Foi viver para Paris, em 1957, mas continua a pintar em Portugal. Trabalha na Fábrica de cerâmica Viúva Lamego, em Sintra, e em Vietri sul Mare, na Itália.
Em 31 de Janeiro de 1990, criou a “Fundação Manuel Cargaleiro”, à qual doou um vasto número das suas obras, assim como toda a sua colecção, constituída por objectos de várias temáticas, que continua a enriquecer com importantes aquisições.
As suas obras de arte podem ser admiradas em Castelo Branco, no Museu Cargaleiro, situado na rua dos Cavaleiros, bairro do Castelo.

 

 
Manuel Cargaleiro

 

 
«Après le Tempête», Óleo sobre tela, 1976  

 

Tânia Isabel Ramos Taborda

 

publicado por conta-mehistorias às 17:26

Fevereiro 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
17
18
19
20

23
24
25
26



arquivos
pesquisar neste blog
 
blogs SAPO