Somos o 9.º A da Escola EBI c/JI Cidade de Castelo Branco. Neste blog, publicaremos os nossos trabalhos realizados no âmbito da disciplina de Área de Projecto.

27
Fev 10

 

Portugal nos anos 30 e 40
D. Maria Graciosa Duarte Luz, nasceu, a 18 de Novembro de 1925, em Cebolais de Cima, Castelo Branco.
Durante a sua infância, viveu na sua terra natal. Foi fazer a escola primária a Sagres, no Algarve e viveu lá durante uns anos. Depois voltou para Castelo Branco, onde fez o liceu. Tirou um curso de Enfermagem, em Lisboa, na Escola S. Vicente de Paula. Depois de ter realizado o curso, voltou para Castelo Branco, onde se casou, aos 21 anos, com Tito Zuzarte, e onde veio a trabalhar no centro de saúde.
Os anos 40 foram a altura da guerra. Nessa altura, havia muito racismo, havia dificuldade para arranjar mantimentos. D. Maria conta que, quando se queriam ouvir notícias sobre a guerra, tinha de ser através do rádio e às escondidas, pois estava sujeita a ser descoberta e presa.
Durante toda a sua vida, viveu sem dificuldades, vivendo com os bens essências (tecto, roupa, comida). Nesta altura, a vida não era fácil e Maria de Luz teve de trabalhar para sobreviver. Começou a trabalhar numa fábrica de malhas, onde trabalhou durante 20 anos. Depois trabalhou na sua área, também durante 20 anos.
Com 61 anos, enviuvou. Foi uma altura difícil, mas D. Maria conseguiu ultrapassá-la.
Agora, com 84 anos, vive da sua reforma e ajuda o filho, na sua loja de música.

 D. Maria Graciosa

 
 
David Belchior
 
 
 
publicado por conta-mehistorias às 22:47

Fevereiro 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
17
18
19
20

23
24
25
26



arquivos
pesquisar neste blog
 
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

blogs SAPO